Aplicação foliar de boro e cálcio no feijoeiro

Tiago Roque Benetoli da Silva, Rogério Peres Soratto, Taís Bíscaro, Leandro Borges Lemos

Resumo


O feijoeiro é planta exigente em nutrição, destacando-se a importância de o nutriente estar disponível em tempo e local adequados. O objetivo deste trabalho foi avaliar a influência da aplicação via foliar de boro e cálcio na época do florescimento do feijoeiro da seca (colheita de maio a julho), em plantio direto. O delineamento experimental utilizado foi o de blocos casualizados, em esquema fatorial 4x2, com quatro repetições. Os tratamentos foram representados pela aplicação foliar de boro (0, 5, 30 e 60 g ha-⊃) na forma de ácido bórico, com e sem aplicação de cálcio (0 e 500 g ha-⊃), na forma de cloreto de cálcio. A aplicação de cálcio e boro via foliar não alterou os componentes da produção nem a produtividade. O vigor das sementes foi aumentado pela aplicação de boro e cálcio por via foliar.Palavras-chave adicionais: Phaseolus vulgaris; componentes da produção; qualidade fisiológica de sementes; teor de nutrientes; produtividade.

Texto completo:

Artigo Completo - PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.15361/1984-5529.2006v34n1p46+-+52