Sistema radicular de cultivares de painço em resposta à calagem

Laerte Marques Silva, Carlos Alexandre Costa Crusciol, João Henrique Crusciol, Pedro Roberto de Almeida Viegas

Resumo


O crescimento radicular tanto apresenta variabilidade genética entre cultivares, sendo também afetado pelos fatores do solo como Al tóxico e baixos teores de Ca e Mg, que podem prejudicá-lo. O objetivo deste trabalho foi avaliar o crescimento radicular de cultivares de painço em resposta à calagem em solo ácido. O experimento foi conduzido em vasos de 3 dm3 de solo, em condições de casa de vegetação, até 62 dias após a emergência das plantas. O delineamento experimental utilizado foi o inteiramente casualizado, em esquema fatorial 2x4, composto por duas cultivares de painço (AL Mogi e AL Tibagi), e quatro níveis de calcário (0,0; ,67; 2,9 e 4,5 t ha-) e com quatro repetições. A calagem promove aumento do sistema radicular e da parte aérea das cultivares. A cultivar AL Tibagi apresenta sistema radicular mais tolerante à baixa saturação por bases, o máximo crescimento radicular ocorreu em saturação por bases de 64%. As cultivares de painço em condições de elevada acidez reduzem o diâmetro radicular às custa do crescimento em comprimento.

Palavras-chave


Panicum miliaceum L.; calcário; alumínio; solo ácido; raiz.

Texto completo:

Texto Completo


DOI: http://dx.doi.org/10.15361/1984-5529.2010v38n1%2F2p23+-+29