Aplicação foliar de aminoácidos como suplemento à adubação nitrogenada em cultivares de trigo

Diego Gazola, Claudemir Zucareli, Raphael Rossi Silva

Resumo


O manejo da adubação nitrogenada é complexo e dependente das condições edafoclimáticas. A incorporação de aminoácidos via foliar pode suplementar o fornecimento de Nem em determinados estádios de desenvolvimento da planta. O objetivo foi estudar os efeitos da aplicação foliar tardia de aminoácidos nas características agronô­micas e no desempenho produtivo de cultivares de trigo. O experimento foi conduzido em Londrina-PR, sob deli­neamento experimental de blocos ao acaso, em parcelas subdivididas, em esquema fatorial 4x4, com quatro repetições. Foram avaliadas quatro doses do resíduo agroindustrial à base de aminoácidos (0, 10, 20, 30 L ha-1), aplicadas na fase de emborrachamento da planta, em quatro cultivares de trigo (IPR Catuara, BRS Gaivota, Quartzo e CD 120). A adubação de cobertura consistiu em 60 kg ha-1 de nitrogênio aplicada na fase de perfilha­mento, na forma de ureia. As variáveis analisadas foram: índice de cor verde da folha, altura de plantas, número de espigas por metro quadrado, número de espiguetas por espiga, número de grãos por espiga, número de grãos por espigueta, massa de mil grãos e produtividade de grãos. O resíduo agroindustrial à base de aminoáci­dos aplicado via foliar não alterou o desempenho produtivo das cultivares de trigo Catuara, Gaivota e Quartzo. Para a cultivar CD 120, o aumento das doses de aminoácidos aplicadas na fase de emborrachamento das plan­tas aumentou o número de grãos por área, sem alterar o rendimento de grãos. 


Texto completo:

ARTIGO COMPLETO - FULL TEXT


DOI: http://dx.doi.org/10.15361/1984-5529.2017v45n2p182-189